Gerenciamento de Áreas Contaminadas: entenda tudo sobre o assunto
22 de outubro de 2020

Gerenciamento de Áreas Contaminadas: entenda tudo sobre o assunto

A contaminação de uma área pode ter graves consequências para o meio ambiente e para a saúde da população. Diante disso, é necessário adotar uma solução ambiental eficiente: o Gerenciamento de Áreas Contaminadas

Ele é necessário para empresas cujas atividades possam ocasionar algum dano ao meio ambiente. Mas, afinal, o que é Gerenciamento de Áreas Contaminadas? Nós reunimos todas as informações que você precisa saber sobre esse assunto!

Continue a leitura e entenda o que é e qual a importância do Gerenciamento de Áreas Contaminadas, como funciona todo o processo e como adotar essa solução ambiental na sua empresa. Acompanhe!

O que são áreas contaminadas?

Áreas contaminadas são locais, terrenos, instalações ou edificações que possuem concentrações de substâncias ou resíduos em condições que possam causar prejuízos à saúde humana e ao meio ambiente.

Para identificar e diferenciar essas áreas, a Lei Estadual nº 13.577/09 estabelece algumas classificações, que vão desde Área com potencial de contaminação (AP) até Área Reabilitada para o Uso Declarado (AR). 

Isso é importante porque com base no tipo de área contaminada serão definidas as estratégias para o gerenciamento das áreas contaminadas.

O que é Gerenciamento de Áreas Contaminadas?

É um conjunto de medidas adotadas para eliminar ou minimizar o risco das áreas contaminadas à população e ao meio ambiente. Ele é feito por meio de diversos estudos ambientais que têm como base as normas e legislações sobre Gerenciamento de Áreas Contaminadas. 

No âmbito federal, a Resolução CONAMA nº 420, de 28 de dezembro de 2009, estabelece as diretrizes para o gerenciamento ambiental de áreas contaminadas. No Estado de São Paulo, essa regulamentação é feita pela CETESB na sua Decisão de Diretoria nº 038/2017/C, de 07 de fevereiro de 2017, norma mais completa e referência sobre esse tema para todo o Brasil.

Como funciona o Gerenciamento de Áreas Contaminadas?

O Gerenciamento de Áreas Contaminadas é um processo que envolve várias etapas sequenciais, ou seja, a informação coletada em uma etapa serve de base para a seguinte.

As etapas são:

  1. Investigação preliminar
  2. Investigação confirmatória
  3. Investigação detalhada
  4. Avaliação de risco
  5. Plano de intervenção
  6. Remediação de áreas contaminadas 
  7. Monitoramento ambiental

Com isso, será possível saber com que tipo de contaminação que se está lidando, sua gravidade e formas de reduzir seu impacto e recuperar a área. 

Além disso, todas as etapas devem ser submetidas ao órgão ambiental que avaliará a adequação do escopo realizado com a área investigada, podendo ou não solicitar informações e/ou complementações a qualquer momento.

Precisa de ajuda no Gerenciamento de Áreas de Contaminadas?

A CG Ambiental é uma consultoria especializada que oferece diversas soluções ambientais para o seu negócio. Nossa equipe técnica especializada pode te ajudar em todas as etapas do Gerenciamento de Áreas Contaminadas, seguindo sempre a legislação vigente.

Entre em contato com a gente para saber mais sobre nossos serviços de Gerenciamento de Áreas Contaminadas.

Ler mais artigos